Domingo, 17 de Novembro de 2019
esportes

Gabriel brilha, Flamengo faz 5 a 0 no Grêmio e vai à final da Libertadores

Copa libertadores da America

Publicada em 24/10/19 às 10:53h - 31 visualizações

por Felipe Rosa Mendes


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: A VOZ DA REGIÃO)

Com mais um atuação de gala do seu ataque, o Flamengo atropelou o Grêmio em um Maracanã praticamente lotado e garantiu seu retorno à final da Copa Libertadores após 38 anos. O time carioca goleou o rival gaúcho por um contundente placar de 5 a 0, na noite desta quarta-feira, 23, e selou sua classificação à decisão, após empate por 1 a 1 no jogo de ida.

A goleada contrastou com o primeiro tempo do aguardado duelo, em que a equipe de Jorge Jesus parou na marcação gremista. O Flamengo deslanchou somente na etapa final, com quatro gols em 25 minutos, e aplicou uma surpreendente e sonora goleada no adversário gaúcho. Gabriel comandou a vitória, com dois gols e participação nos três primeiros da partida.

A equipe mandante anotou apenas um gol na etapa inicial, mas ampliou logo no primeiro minuto do segundo tempo. Anotou o terceiro aos 10 e passou a controlar a partida com total domínio, diante do espanto e do desânimo da equipe de Renato Gaúcho. Até os zagueiros Rodrigo Caio e Pablo Mari balançaram as redes. Aos 30 do segundo tempo, a torcida rubro-negra já fazia a festa, com direito a "olé".

O triunfo garantiu o Flamengo em sua segunda final da Libertadores. Na primeira, ainda em 1981, foi campeão. Na decisão deste ano, em jogo único, o adversário será o River Plate, atual campeão e com a confiança elevada após eliminar o arquirrival Boca Juniors na outra semifinal. A grande final está marcada para 23 de novembro, em Santiago, no Chile.

O jogo

Como era esperado, o Flamengo partiu para cima assim que iniciou a partida. Mais atento, após os vacilos do jogo de ida, o time gaúcho conteve as investidas do rival. Com uma formação ofensiva reforçada por Arrascaeta, que voltou de lesão antes do previsto, o Fla testava a defesa gremista pelo meio e pelas laterais, sem sucesso.

Na defesa, tentava não ser surpreendido, principalmente pela direita de sua defesa, diante dos avanços de Everton Cebolinha. Para tanto, contou também com o retorno de Rafinha, atuando com uma proteção no rosto após cirurgia.

Afora uma cabeçada de Gabriel sem maior perigo, aos 10, o Flamengo esteve aquém do esperado nos primeiros 30 minutos do duelo. Parava com frequência na marcação gremista, que mantinha o confronto concentrado no meio-campo.

Tanto que a primeira chance clara de gol foi dos visitantes. Aos 18, Everton investiu pela esquerda e cruzou com perigo na área. Diego Alves deu rebote nos pés de Maicon, que desperdiçou chance incrível. Como resposta, Bruno Henrique cabeceou com perigo aos 26.

A partir dos 30, o time carioca passou a encontrar maior espaço na defesa rival. Gabriel tentou de bicicleta aos 34 e, numa rápida finalização, aos 39. A insistência foi premiada aos 41, novamente em jogada do atacante. Ele recebeu livre pela direita, bateu forte e Paulo Victor deu rebote, devidamente aproveitado por Bruno Henrique na pequena área.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 75 99134-8375

Visitas: 48085
Usuários Online: 9
Copyright (c) 2019 - A VOZ DA REGIÃO - Todos os direitos reservados ao Portal A Voz da Região - Direção Quirino